Páginas

segunda-feira, 11 de junho de 2018

Mãe zomba de “homem sujo” numa loja e passa vergonha quando ele revela verdadeira identidade.


Recentemente, Andy Ross estava comprando algumas coisas depois do trabalho em um mercado no estado de Washington, onde mora nos EUA.

Depois de um minuto, ele notou uma menininha olhando para ele. Andy estava bem sujo depois de um longo dia de trabalho na floresta e não estava aí para isso. 



Mas então, quando estavam saindo, a mãe sussurrou para a filha: “É por isso que você precisa ficar na escola”.
Era óbvio que ela queria dizer que achava que Andy era um fracasso baseado em sua aparência. 


Logo, porém, a mãe teria motivos para se arrepender de suas palavras. Andy entrou no Facebook e postou uma mensagem que revelou sua verdadeira identidade e enterrou completamente os preconceitos dela.
A mensagem de Andy é uma das que todos nós faríamos bem em guardar: 

“Então eu tive uma conversa ‘educacional’ muito interessante com uma mulher e sua filha hoje. Quando entrei num mercado antes de chegar em casa, uma menina ficou olhando para mim. Ok. Eu sei que as crianças ficam curiosas quando veem alguém, especialmente tão sujo quanto eu estava.
Eles estavam na minha frente no caixa. E, com a menina ainda olhando, sua mãe disse a ela para parar com aquilo. Quando terminaram e se dirigiam para a porta, ouvi sua mãe dizer baixinho para a menininha: ‘É por isso que você precisa ficar na escola’. Eu percebi que era um ótimo momento para educar essa mãe e sua filha de uns sete ou oito anos. A seguir, a nossa conversa:
“Primeiro, eu sou um homem sujo muito educado. Eu não só tenho o ensino médio, como também tenho um diploma universitário e muitas certificações médicas. Portanto, assumir que sou ignorante por causa da minha aparência é, na verdade, bastante ignorante.
Em segundo lugar, se você está dizendo a sua filha para ficar na escola porque eu tenho tatuagens nos meus braços, isso vai realmente suprimir sua criatividade e potencialmente atrapalhar sua imaginação enquanto ela se desenvolve.
Mais uma vez, ao contrário do que você pensa, minha senhora. Tenho orgulho das minhas tatuagens e obras de arte que Forrest Bateman colocou no meu corpo. É uma representação do orgulho que tenho do meu país e do meu serviço em vários turnos de combate como médico em operações especiais. 


Em terceiro lugar, se você está se referindo ao chapéu (que não aparece aqui) que estou usando porque apresenta um alce, você pode não entender. Mas sou co-proprietário da Evergreen State Outdoors e tenho orgulho de ser dono de uma empresa.
Finalmente, optei por trabalhar em uma indústria de construção. Tenho orgulho de dizer que estou à parte de construir a América, gosto do meu trabalho todos os dias. Eu gosto de trabalhar com minhas mãos e estar ao ar livre. Algumas vezes fico bem sujo. Eu faço um bom dinheiro, tenho benefícios e sou capaz de sustentar minha família sem problemas. 


Portanto, minha aparência não tem nada a ver com meu nível de inteligência ou com um nível mais alto de educação”. 


Por isso, meus amigos, jamais julguem um livro pela capa. Evitem passar a vergonha que esta senhora certamente passou. É aquela coisa, quem fala o que quer, ouve o que não quer. 

Informações: Newsner e Facebook
Imagens: Reprodução Facebook de Andy Ross
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário