Páginas

terça-feira, 6 de março de 2018

Pai faz filho correr 1,6 km até a escola na chuva após ele bancar o valentão da turma e ser expulso do ônibus


O bullying é um assunto que tem sido muito discutido. Ele sempre existiu, mas agora uma luta para acabar com este ato de crueldade vem tomando cada vez mais espaço nas redes sociais e demais mídias. Mas qual seria a solução? Será que é dever escolar punir os agressores e preservar as vítimas, ou esse é um trabalho dos pais? 



Um pai da Virgínia nos EUA forçou seu filho de 10 anos a correr cerca de 1,6 km até a escola na chuva como punição depois que o garoto foi pego praticando bullying com os colegas e foi expulso do ônibus escolar. Bryan Thornhill dirigiu atrás de seu filho enquanto ele correia, gravou o ato e depois postou em uma rede social. 


No vídeo que já foi assistido mais de um milhão de vezes, Bryan começa explicando o motivo do castigo: 
"Ei, vocês, sejam bem-vindos ao melhor “ouça seu pai de 2018”. Meu filho finalmente teve problemas o suficiente e foi expulso do ônibus por três dias porque ele estava sendo um valentão praticando bullying com as outras crianças. Coisa que eu não tolero e não suporto. Portanto, ele agora vai correndo para a escola, estamos a cerca de 1,6 km da escola, então toda essa semana ele tem a experiência de correr". 
Apesar de Thornhill punir seu filho, ele também viu o humor em sua forma de discipliná-lo. "A boa notícia é que ele mantém um bom ritmo até agora de 9,5 km/h. E mesmo que esteja chovendo, ele vai correr”. 


E, talvez antecipando uma reação contrária a sua punição, ele disse: "Isso não mata ninguém. Esta é uma maneira saudável para uma criança ser punida porque é exercício”. 


Aparentemente, o castigo está funcionado, porque ele afirma que o comportamento de seu filho melhorou muito, e que o professor dele aprovou sua conduta esta semana. 
Ele termina o vídeo com “Ensine seus filhos, não seja amigo, seja pai. É isso que as crianças precisam nos dias de hoje”. 


Após o vídeo viralizar alguns pais foram rápidos em louvar sua técnica um pouco antiquada. 
Uma ex-professora escreveu “Eu dei aula por 29 anos. Eu queria que mais pais fossem como você!”. 
E outra mulher disse: Você está criando seus filhos direito... Não escute a ignorância...Não está matando a criança por fazê-la correr na chuva”. 
Mas nem todos estavam a favor do castigo público: "Horrível e horrível exemplo de parentalidade. Gravando o castigo do seu filho nas redes sociais!”. 
Outro internauta também foi contra a atitude do pai dizendo: "Realmente. degradação e humilhação não são boas ferramentas parentais! Espero que você receba acusações contra você!”. 
E para você que acompanha o NC, este pai mandou bem no castigo contra o filho valentão, ou você acha que ele pegou pesado demais? Deixe sua opinião nos comentários contando para a gente de que lado está e o porquê. 

Informações: Facebook, Daily Mail, The Sun e Mirror 
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário