Páginas

segunda-feira, 5 de março de 2018

Cão puxa dono até uma caixa de papelão e prova ato de amor mais uma vez


Um dia, em 2017, Valia Orfanidou estava passeando tranquilamente com Aragon, um cachorro de resgate e o dono dele, perto da montanha de Ymittos, não muito longe de Atenas, na Grécia. Durante a caminhada Aragon pareceu ter farejado algo. 









"Nós estávamos andando com Aragon perto da montanha, na verdade planejando fazer um vídeo sobre o grande número de animais abandonados por lá, quando Aragon começou a nos puxar para a direção deles..." disse o dono de cão, um voluntário da Sociedade de Resgate Animal de Segunda Chance (SCARS).


Aragon eventualmente levou Valia e seu dono até uma caixa abandonada que estava no meio do caminho. No interior, havia quatro pequenos gatinhos pretos e brancos. 


Tudo indicava que os gatinhos foram abandonados e deixados à própria sorte. 


Por um golpe do destino, Aragon encontrou os pequenos animais, e seu dono decidiu levá-los para casa. 


Segundo o que contou o Honest to Paws, o cão logo se tornou o pai adotivo dos pequenos órfãos que receberam os nomes de Lhotse, Cho, Makalou e Manaslou. 


O Aragon se mostrou muito amoroso lambendo e limpando as minúsculas bolas de pelos, e sempre os observava atentamente. Ele se certificava de que os gatinhos, que estavam rastejando por toda a sua nova casa, não iam para muito longe. Se o fizessem, ele os guiaria gentilmente até o cantinho deles. 


"Eles são seus bebês e ele está constantemente curioso sobre o que estão fazendo e como eles estão se comportando", escreveu Valia no Ophan Pet. 


Na realidade, Aragon já tinha experiência. Essa não foi a primeira vez que ele adotou gatos abandonados. 


"Seu primeiro resgate foi Simone, uma gata perdida que o seguiu quando ele estava passeando, e um dia ela entrou na casa com ele", compartilhou Valia. 


Ela ainda diz que o abandono de gatinhos é muito comum na Grécia. Em apenas um mês, a SCARS resgatou mais de 25 gatinhos que foram abandonados da mesma maneira. 


Quase todos os dias, o dono de Aragon encontra caixas de papelão vazias – com alguns brinquedos e cobertores - descartadas nas proximidades de Mount Ymittos. Infelizmente, os gatinhos abandonados, podem ter sido comidos pelas raposas que vivem nas montanhas. 
Se não fosse por Aragon, os gatinhos sofreriam o mesmo destino. "Basicamente ele foi o socorrista, e ele tem sido um excelente pai adotivo desde o primeiro dia", acrescentou Valia. 


Quem disse que cães e gatos não podem se dar bem? 

Informações: NTD 
Imagens: The Orphan Pet e SCARS 
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário