Páginas

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Homem afirma ter uma fotografia provando que ele visitou o ano de 2118 e que agora tem que se esconder da CIA


Depois do caso do homem que diz que viajou até ao ano de 2030, e passou no detector de mentiras, surgiu hoje um novo vídeo, onde outro “viajante no tempo” fez uma afirmação extraordinária, de que viajou até ao ano 2118, e diz que tem uma fotografia para provar isso. 









Durante o vídeo, que já foi visto 500.000 vezes, ele mostrou uma fotografia do que parece ser o horizonte de uma cidade, mas, no entanto, não revelou como conseguiu chegar até lá, ou onde fica exatamente essa cidade. A fotografia em questão está embaçada e pareceu exibir uma fileira de edifícios enormes, verdes e de forma ímpares em uma cidade que não parece com nenhuma outra no mundo. 




Ele também advertiu sobre "muitas ameaças" para a raça humana e incentivou aqueles que vivem na Terra a combater o aquecimento global. O Sr. Smith, que falou com um sotaque americano, disse: "Visitei o ano 2118 como parte de uma missão superior da CIA. Quanto ao meu conhecimento, foi uma das primeiras vezes que uma viagem no tempo foi concluída com sucesso. Eu fui para o futuro e depois voltei para o passado. Tudo aconteceu no ano de 1981.". 
Ele até acredita que a CIA ainda está "procurando por ele" e revelou que ele está vivendo atualmente "escondido". Quando revelou a tal fotografia no vídeo ele afirma que nunca se esquecerá de quando tirou a foto e que foi clicada fora da cidade, antes de “entrar” nela. 


E prossegue: "Eu escolhi esperar até agora para revelar essa foto para porque eu não sabia se o mundo estava pronto para vê-la”. 
O Sr. Smith ainda diz que foi a única imagem que conseguiu recuperar e que a distorção aparente foi causada pelo processo de viagem no tempo. Ele também garantiu que os alienígenas "nos visitam" e disseram que vieram para Terra no meio do século 21. 


E para vocês, esse homem é apenas um lunático ou realmente a viagem no tempo já existe? 
Deixe sua opinião aqui nos comentários! 

Informações: Daily Mail 
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário