Páginas

segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Homem ‘santo’ puxa caminhãozinho com genitália em festival religioso e chama atenção da internet


Qualquer um que já tenha frequentado um festival religioso, provavelmente, se deparou com coisas surpreendentes, mas, digamos, que este homem tenha superado qualquer expectativa.














O sadhu - um homem santo seguindo a tradição hindu ou jainista - foi fotografado realizando uma estranha façanha de força enquanto puxava um caminhão usando apenas seu pênis.


Ele foi visto em Allahabad, no norte da Índia, onde centenas de milhares de hindus estão se reunindo para o festival anual Magh Mela. O evento de 45 dias reúne os adoradores para se banharem nas águas de Sangam, a confluência dos rios sagrados de Ganges, Yamuna e Saraswati, em datas designadas.


Sadhus vagam como homens santos que rejeitaram os confortos terrenos em busca da iluminação espiritual com a esperança de quebrar o ciclo da reencarnação, um dos principais princípios do hinduísmo.
Como tal, eles não possuem nenhuma posse e optam por apenas roupas modestas, ou em alguns casos decidiram viver nus, confiando na bondade de estranhos para sustenta-los.


Esses homens santos também são conhecidos por sua força física ou mental, que demonstram por meio de exibições de espiritualidade e domínio das técnicas de yoga, já que a maioria também são iogues – termo usado para os praticantes de yoga. Por vezes, isso envolve o levantamento ou o transporte de objetos com o pênis.


Obviamente, a notícia levou os usuários da internet a postarem comentários diversos, como:

“Essa é uma boa maneira de aumentar o comprimento...”, disse um.

“Por quê? Como uma mulher, isso não me impressiona!!”, completou uma usuária.
Enquanto outro internauta surpreende para algo que ninguém havia reparado: “Para um homem velho que passou muito tempo sob aquele sol quente sem roupas, ele tem uma pele fantástica.”.

E Outro finaliza: “Teria sido mais impressionante se ele tivesse empurrado”.

Informações: Daily Mail
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário