Páginas

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Se você encontrar um desses na praia mantenha seu cão o mais longe possível!


As pessoas se deparam com todos os tipos de coisas estranhas na praia. Infelizmente, algumas dessas descobertas incomuns são produtos poluentes, e podem realmente ser perigosos para humanos e animais que entrarem em contato com eles.







Uma mulher na costa inglesa estava levando seu cachorro para uma caminhada na praia quando, de repente, ele começou a puxar sua coleira. Claramente algo chamou sua atenção!
Finalmente, a mulher viu o que estava deixando seu cachorro tão ouriçado. Era um caroço branco e grosso que emitia um aroma poderoso. No começo, pensou que era uma água viva, mas então ela olhou de perto... E recuou horrorizada.


Acredite ou não, tratava-se de um pedaço de gordura sólida! Conhecidos como "fatbergs" (como os icebergs, exceto pelo fato de serem literalmente feitos de gordura) estão se tornando cada vez mais comuns, e essas formações ambientalmente hostis são indicadores de um problema muito maior... 


Os depósitos brancos são formados através da combinação do óleo de cozinha sujo e detritos que se solidificam no sistema de esgoto. O óleo de cozinha funciona como um agente de ligação que transforma enormes massas de lixo em rocha endurecida.


Quando esses caroços voltam do esgoto para o oceano aberto, eles podem acabar sendo levados à costa. É mais comum ver pequenos “fatbergs”, mas ocasionalmente um enorme pode aparecer no caminho do oceano para a terra.


Os “fatbergs” também não são maciços. Na verdade, eles são altamente tóxicos e podem ser muito prejudiciais para animais de estimação, especificamente cães. Muitas praias têm sinais avisando nadadores e banhistas para ficar longe dessas formações caso as encontrem. Eles carregam inúmeras bactérias uma vez que consistem inteiramente em um antigo óleo de cozinha e lixo, e a exposição prolongada a eles é extremamente prejudicial para humanos e animais. Os responsáveis pela praia são instruídos a alertar os salva-vidas se eles os veem.


Embora os “fatbergs” sejam encontrados principalmente nas praias, eles estão começando a se infiltrar em outros lugares também. 


A grande quantidade de bactérias perigosas que contém os torna prejudicial para qualquer ambiente nos quais eles são encontrados. Trabalhadores em Londres os identificaram como a causa de problemas de encanamento maciços em toda a cidade. 


Essas almas valentes que ajudam a limpar os sistemas de esgoto subterrâneo estão encontrando cada vez mais essas peças desagradáveis ​​de bactérias solidificadas a cada dia.



O maior “fatberg” relatado foi encontrado no sistema de esgoto de Londres pesando, nada mais nada menos que, 15 toneladas! 


Grande parte era de lenços umedecidos não degradáveis. As pessoas precisam começar a descartar adequadamente o óleo de cozinha e o lixo, ou então o problema só continuará a crescer, e isso é algo que ninguém quer ver acontecer.


Que isso sirva como lição para que você descarte seu óleo de cozinha usado de forma responsável. Também é bom evitar os lencinhos umedecidos... Papel higiênico úmido pode dar conta do recado!

Informações: Boredom Therapy
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário