Páginas

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Mãe entra em pânico após bebê engolir pedaço de plástico e em seguida começar a sufocar. Se o carteiro não tivesse ouvido os gritos dela, possivelmente seu filho teria morrido.


Em agosto de 2014, a mãe Stephanie Cooper de Greer, Carolina do Sul, passou o maior susto de sua vida. Seu garoto, Eli, estava brincando com um revestimento de plástico. Stephanie notou que Eli - que tinha apenas onze meses na época - colocou um pedaço de plástico na boca.





Então, a criança começou a ter dificuldades em respirar e a mãe tentou tirar o pedaço de plástico de sua boca para aliviar suas vias aéreas. Ela freneticamente procurou a peça que o estava sufocando, mas não conseguiu encontrá-la.
"Eu bati com o punho em suas costas e percebi que ele ainda não estava recebendo nenhum ar", Stephanie mencionou a Greertoday.
Segundos depois, ela pensou que seu marido estava voltando para casa quando ouviu um carro.
Em pânico total, ela abriu a porta e não viu seu marido, e sim o carteiro.
“Eu não percebi no momento em que era uma situação de vida ou morte. Fiquei chocado quando a Sra. Cooper correu para fora da casa com o filho em seus braços ", disse o carteiro Chris Brown. "Eu só sabia que a criança não estava respirando e eu tinha que levar oxigênio a seus pulmões".


Chris sabia que o dano cerebral permanente era iminente se ele não tirasse o pedaço de plástico, então ele não hesitou por um segundo e fez tudo o que pôde para salvá-lo.

"Uma calma apenas veio sobre mim e eu só queria fazer aquela criança respirar novamente. A criança era tão pequena, eu me preocupava em apertá-lo muito com a manobra de Heimlich”, disse Chris.


"Quando ouvi o bebê chorar, eu sabia que ele ficaria bem", disse Chris. "O plástico saiu logo".
"A vida do meu filho estava em suas mãos", lembra Stephanie. "Foi tão assustador. Estou tão feliz que Chris está aqui ", disse Cooper. "Eu acho que foram 45 minutos a uma hora, quando Eli estava em meus braços, eu apenas chorei, chorei e chorei. Naquele momento, Eli estava apenas rindo e olhando para mim. "


Chris chama isso de intervenção divina, pois ele acabou passando exatamente no momento certo devido a um pequeno atraso no caminho para a residência dos Cooper.


A apresentadora Ellen DeGeneres ouviu falar sobre esse resgate surpreendente e decidiu convidar Stephanie, o pequeno Eli e o carteiro Chris para o seu programa para compartilhar sua história. No final do episódio, Ellen também deu a Stephanie uma nova caixa de correio com a frase "Nosso carteiro é um herói" impressa.


A popular apresentadora de talk show também queria fornecer Chris com um monte de presentes por seu ato heróico, mas não foi pode dar-lhe um prêmio porque ele é um funcionário do governo.
No entanto, Ellen pensou que era injusto e o surpreendeu com um bilhete para um de seus shows mais recentes, incluindo um evento de Natal "12 Days of Giveaways". Se existe uma pessoa que merece um fantástico presente de Natal, é definitivamente este carteiro fantástico e valente!

Informações: Shareably
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário