Páginas

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Mãe encontra foto da filha de 4 anos de idade na página do Facebook de um estranho, mas ele afirma que trata-se de sua filha morta.


Como muitos pais orgulhosos na era das mídias sociais, Nickol Gallovich gosta de compartilhar fotos de seus três filhos adoráveis ​​no Facebook. Recentemente, no entanto, ela aprendeu os riscos horríveis envolvidos.







Um estranho de alguma forma encontrou o Nickol no Facebook e alertou-a para uma certa foto que ela havia publicado de sua filha. Quando ela clicou no link e viu sua filha de 4 anos, Macy, no perfil de Facebook de outro homem, a mãe e blogueira do Texas, ficou chocada, horrorizada e totalmente assustada. Ela não só não conhecia o homem, como ele tinha a foto de Macy em sua foto de perfil.


"Obviamente, eu estava preocupada que ele fosse potencialmente um pedófilo ou que estava tentando obter informações minhas sobre onde vivemos e coisas assim", disse Nickol.



Independente de quem seja o homem, ele usou e postou a foto sem o consentimento de Nickol.


A mãe assustada diz que não tem ligação nenhuma com o homem, e afirma que ele mora em Glendale, no Arizona. Mas talvez a parte mais assustadora de tudo seja que o estranho também estava reivindicando a garota em sua foto de perfil como sua própria filha ... que supostamente se afogou.



Agora, Nickol alertou os pais que usam redes sociais para compartilhar fotos de seus filhos no Facebook, e eles definitivamente devem ter cuidado.

Surgiram alguns comentários como:

"É por isso que não posto fotos dos meus filhos", escreve um usuário do Facebook. "Sim, há imagens antigas, mas todo o primeiro dia de escola, aniversário e fotos de férias ... Mas não farei mais isso. Se a minha família quiser saber como estão os meus filhos, eles podem vir visitar”.

Gallovich finalmente acabou denunciando para o Facebook, que removeu o perfil assustador da plataforma. Ainda assim, no entanto, a identidade da pessoa permanece desconhecida e ela nunca poderá ter certeza do que ele estava fazendo com a foto de Macy.

A história da família deve servir de aviso para que os pais assegurem que suas configurações de privacidade limitem quem pode ver fotos postadas no Facebook e em outros sites de redes sociais.

Informações: Shareably / Little Things / CBS
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário