Páginas

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Lembra deste homem que foi ridicularizado por sua deficiência vocal? Ele teve um ataque de fúria e acabou preso.


O caso do Ismael dos Santos, o vulgo Fainho, repercutiu nacionalmente.












Fainho está preso porque tirou a vida um homem que zombava dele, devido a um problema que possui nas cordas vocais. A vítima o chamava de rádio fora de estação, cochicho, pato Donald, pato rouco, entre outros.


Fainho, tomado pela fúria acabou atirando na vítima dentro de um bar em São José dos Pinhais. 

O repórter João Gimenez do programa 190 foi até a casa de detenção em São José dos Pinhais para saber mais sobre a vida de Ismael.

Ele declara que desde cedo sofre bullying por conta de sua condição, o que gerou muitos apelidos desagradáveis.

Reprodução Facebook Soldado Adriano José

Ismael confessa que perdeu a cabeça e ainda afirma que seu desentendimento com o homem não era apenas pela gozação e garante que ele foi desrespeitoso com pessoas de sua família.

Fainho ficou muito famoso na internet por conta de sua deficiência e manda um recado ao público que acompanha seu caso.

Reprodução Facebook Soldado Adriano José

Reprodução Facebook Soldado Adriano José
Reprodução Facebook Soldado Adriano José
O delegado chefe da cidade diz que Fainho é uma pessoa simples e que não tem passagens pela polícia nem antecedentes criminais e que considera o caso um incidente na vida do rapaz. Porém, é evidente que ele tirou a vida de outra pessoa e por isso deve responder com o devido peso por essa ação que cometeu. Ainda completa dizendo que, pela experiência que tem, imagina que fainho não fique preso por muito tempo, por conta de sua situação jurídica. O caso será devidamente examinado pela justiça, que já decretou sua prisão preventiva.

Informações: Facebook Soldado Adriano José
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário