Páginas

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Criaturas misteriosas em formato de cérebro são encontradas em lagoa canadense



Eles podem parecer adereços de um filme de terror de baixo custo, mas essas misteriosas estruturas que parecem cérebros são de fato colônias de centenas de criaturas minúsculas.






Esses animais foram recentemente descobertos pela primeira vez no Stanley Park em Vancouver, Canadá, quando ficaram expostas devido aos baixos níveis da água na região.

As criaturas, conhecidas como briozoários, existem há centenas de milhões de anos, muito antes dos primeiros dinossauros caminharem pela Terra.
E agora, eles estão se espalhando – mas os cientistas não sabem ainda o motivo.



As espécies encontradas no Stanley Park, conhecidas Pectinatella magnifica, habitam o leste do rio Mississippi.


Os cientistas afirmam que o aquecimento da temperatura global pode estar forçando os organismos bizarros a migrarem ao norte de seu habitat normal – mas eles ainda não podem afirmar com certeza.

Outra teoria é que eles sempre estiveram lá, mas são simplesmente difíceis de detectar.
Especialistas estudaram recentemente um espécime encontrado em um pequeno lago em na parte sul do parque conhecida como “Lagoa Perdida”.



“São criaturas um pouco firmes, mas gelatinosas”, disse Kathleen Stormont, da Stanley Park Ecology Society, ao Vancouver Courier.
Os aglomerados de Briozoários são na verdade centenas de criaturas, cada uma com milímetros de comprimento, vivendo juntas em uma massa viscosa.
A criatura se alimenta de algas em águas ricas em nutrientes, e um pico no seu número poderia prejudicar o equilíbrio de um ecossistema de água doce. Foi verificado também que obstruem tubulações e sistemas de esgoto em grandes quantidades.

Informações: Daily Mail
Edição: NC
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário