Páginas

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Mãe gera polêmica e é ameaçada de morte após escrever texto e publicar foto de filha com piercing nas redes sociais


Imagem de reprodução
Enedina Vance sabia exatamente o que estava fazendo quando postou esta foto no Facebook. À primeira vista, parece apenas mais uma foto da filha de seis meses de alguma mãe orgulhosa.Porém, vendo mais de perto, ela revela algo que você não vê todos os dias: um piercing na bochecha da bebezinha!




A mãe de Ohio (EUA) explicou a foto com este post: 

"Então, eu fiz um piercing na bochecha da minha bebê!! 
É tão fofo, não é?!! Eu sei que ela vai amar!! Ela vai me agradecer quando for mais velha. Se ela decidir que não gosta, ela pode simplesmente tirar, sem problemas
Eu sou a mãe, ela é MINHA FILHA, eu vou fazer o que quiser!! Eu tomo todas as decisões por ela até ela ter 18 anos. Eu a fiz, ela é minha!! Eu não preciso da permissão de ninguém, eu acho que é melhor e mais fofo assim e prefiro que ela tenha um piercing."
"NÃO é abuso!! Se fosse, seria ilegal, mas não é. Pessoas fazem piercing em seus bebês todos os dias, isto não é diferente!"
MEU BEBÊ, MINHA ESCOLHA!! ESCOLHA DOS PAIS, DIREITOS DOS PAIS!! Não julguem minha forma de criar minha filha, todos nós criamos nossas crianças de forma diferente, não é da conta de vocês!!"



A foto se espalhou como fogo pelas redes sociais. Muitas pessoas estavam enfurecidas e Enedina recebeu uma avalanche de comentários de ódio e até mesmo ameaças de morte pelo que ela tinha feito à sua filha. Mas há uma reviravolta nessa história: a foto não é real! Graças a uma montagem no Photoshop, Enedina conseguiu fazer com que sua filha realmente tivesse um piercing. 



A razão pela qual Enedina postou essa foto falsa era chamar atenção para uma causa na qual ela acredita. Ela é contra todas as formas de alterações desnecessárias nos corpos de crianças, especialmente procedimentos cirúrgicos como circuncisão. Enedina, que também é contra procedimentos menos invasivos, como piercing, usou a foto falsa e sua explicação para o suposto piercing é para expôr as justificativas falhas às quais os pais muitas vezes recorrem quando alteram os corpinhos de seus filhos dessas formas. 



"Como que meu bebê com um piercing pode ser tão enfurecedor, mas saber que um bebê está sendo preso e tendo a parte mais sensível de seu pênis amputada parece perfeitamente OK?", argumenta Enedina. 



"Como a sociedade pode fazer ameaças de morte a alguém, mas encorajar e apoiar outra? Piercing é ruim, mas cortar é aceito como norma? Eles não sabem por que é feita, se tem que ser feita, qual é a função daquela parte do corpo ou o que aconteceria se eles não fizessem nada. Então, o ciclo continua, tudo porque os pais têm muito medo ou orgulho para admitir que simplesmente não sabem. Educação é a chave e a verdade é que o corte genital é completamente desnecessário", ela continua. 
O post já foi compartilhado mais de 13 mil vezes e acendeu um enorme debate. Mas qualquer que seja sua opinião sobre o assunto, você tem que admitir que Enedina encontrou uma forma bastante única de apresentar seu argumento. 



Fonte: Daily Mail 



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário