Páginas

quarta-feira, 15 de março de 2017

Com 12 anos ela foi diagnosticada com uma doença que a deixou toda manchada. O que ela faz para superar isso, é impressionante.


Imagem de reprodução
Diagnosticada com vitiligo aos 12 anos de idade, a jovem Ashley Soto, de 21 anos, está chamando atenção na internet por transformar sua condição em arte.
Com as marcas espalhadas por 75% do corpo, a jovem diz que demorou a enxergar a beleza da condição, mas isso mudou num experimento.






"Eu nunca tinha percebido como meu vitiligo era lindo até traçá-lo com uma caneta preta. Isso ajuda a expor as diferentes cores da minha pele", disse ela, segundo o Daily Mail. 


Desde então, ela tem usado tinta para criar em cima das manchas: Ashley se transforma em um mapa-múndi e até em tela para obras clássicas como "A Noite Estrelada", de Van Gogh. "Tentei incorporar a pintura a minha pele da forma mais fiel possível", explica a moradora de Orlando, na Flórida (EUA). "É uma obra tão icônica que precisei da ajuda do meu primo para fazê-la".


Com mais de 81 mil seguidores no Instagram, a jovem diz que pretende inspirar outras pessoas. "Vou continuar criando diferentes obras e espero que isso inspire outras pessoas no caminho", finaliza.





O próximo desafio dela será fazer uma obra com tinta que brilha no escuro. 





Rede TV
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário