Páginas

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Os médicos disseram algo terrível para os pais desse menino em coma. Mas, quando a enfermeira ‘abriu a boca’ algo poderoso aconteceu


Imagem de reprodução
Blake Hyland, de 14 anos, costumava ser um atleta dedicado e dotado de uma enorme paixão pela ginástica. Enquanto estava no caminho para o sucesso, sua vida mudou para sempre.





Durante uma de suas rotinas de treinamento, Blake caiu, bateu a cabeça e fraturou o crânio. Ele precisou ser levado às pressas para emergência. Seus pais, em pânico, logo, descobriram que a lesão teria colocado o garoto em coma e que as chances de sobrevivência eram de 50%. Ainda pior, uma coisa era certa: Blake jamais voltaria a andar. Contudo, uma mensagem simples, mas poderosa, vinda de uma das enfermeiras do hospital fez toda a diferença na vida dois pais, de acordo com informações da Boredom Therapy.
Depois de um tempo, Blake acordou do coma, porém confuso com tudo que estava acontecendo. Em uma entrevista ao USA Today, a mãe revelou que quando ouviu do filho um “eu não gosto disso”, ficou inconsolável. Como esperado, a lesão foi severa e Blake constantemente sofria com ataques. Ao olhar as imagens dos exames, os pais ficaram devastados e disseram aos médicos: “Nós agradecemos seu diagnóstico, mas nosso Deus é maior do que isso, e um dia nosso filho sairá andando deste hospital”.
Blake logo começou sua jornada de recuperação, por meio de sessões de fisioterapia. Após muito esforço, mostrou ser capaz de mexer uma das pernas. 


Depois reaprendeu a sentar. Apesar da severa lesão, o processo de recuperação de suas pernas foi considerado “memorável”, além de sua jornada espiritual.



Então, quase um ano depois, o momento de receber alta havia chegado. Em um vídeo gravado pelo pai, Blake é visto saindo pela porta da frente do hospital acompanhado da mãe, mas caminhando por conta própria. 



Falando ao USA Today, ele disse: “O poder da oração é a forma mais forte de cura que temos. Eu sei que Deus sempre esteve ao meu lado e que todas as orações que faziam por mim fizeram toda a diferença”.



Atualmente, ele ainda passa todos os dias por terapias para ajudar a melhorar sua memória e os movimentos do corpo. Segundo ele, manter-se positivo em qualquer situação “é o melhor remédio para o coração”. Já a mensagem poderosa da desconhecida enfermeira, que fez muita diferença no emocional dos pais, dizia: “Não importa o que eles [os médicos] dizem, o que importa é o que Blake faz”.

Informações: Boredom Therapy, imagens de reprodução do Youtube, via Jornal Ciência
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário