Páginas

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Artista plástico é ameaçado após exibir presépio natalino com brinquedos eróticos


O presépio polêmico (Foto: Reprodução/Facebook)


Uma loja de artigos eróticos montou um presépio com vibradores de cerâmica representando Maria, José e o menino Jesus, e criou polêmica ao expor a obra na vitrine em Talavera de la Reina, na província de Toledo (Espanha).
Segundo o jornal espanhol "The Local", a atração da loja "Non Sit Peccatum" começou a chamar atenção de pedestres, mas logo a repecussão mostrou-se negativa por conta de grupos religiosos.
Dono da loja, Héctor Valdivielso afirma que a palavra "pecadores" foi pichada na fachada do imóvel, que um grupo de cristãos no Facebook lançou uma campanha pedindo boicote ao estabelecimento, que um pequeno grupo fez um protesto em frente ao local e que, além de tudo, as pessoas o ameaçavam. "Um homem que estava com a esposa disse para eu remover o presépio. Ele falou que, se eu não fizesse, ele mesmo o faria", escreveu Valdivielso no Facebook.
Depois das investidas contrárias ao presépio, ele decidiu desmontar a cena para evitar dores de cabeça. No entanto, não desistiu: criou uma enquete online sobre a permanência da "família de brinquedos eróticos", criada pelo artista Ernesto Yañez, na vitrine.
Com o resultado - 78,5% disseram sim - ele afirma irá devolver o presépio polêmico ao local. "As pessoas falaram para eu não me deixar intimidar por chantagens de alguns exaltados, então irá retornar à vitrine".

Obra do artista Ernesto Yañez (Foto: Reprodução/Facebook)

Informações: Rede TV
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques