Páginas

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Transsexual pede boicote à pizzaria nas redes sociais após ser chamada de "senhor" por entregador



Tina Healy, uma mulher trans, recorreu às redes sociais e pediu boicote a uma pizzaria após um funcionário chamá-la de "senhor" ao fazer uma entrega na casa dela, em Victoria, na Austrália.
"O cara parou, olhou para cima e para baixo algumas vezes, e me encarou por um instante. Então decidiu me chamar de 'senhor' várias vezes, mesmo depois que deixei claro que meu nome é Tina", escreveu ela ao relatar o caso no Facebook, na segunda-feira (21).
A mulher, que enfatizou que vestia uma saia no momento, ainda acrescentou que a forma como foi tratada a fez "se sentir feia" e magoada.
Diante do caso, a pizzaria Domino’s, da Austrália, pediu desculpas pela situação e informou, por meio de um representante, que irá levar o caso como lição para futuros programas de treinamento de funcionários.
No Twitter, Tina, que apagou o post do Facebook, elogiou a empresa e disse que ficará de olho na empresa.

Informações: Rede TV
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques