Páginas

domingo, 27 de novembro de 2016

Quando essa grávida acordou no meio da noite, ela viu seu Pit Bull sentado. Depois, ela viu o sangue sobre os lençóis.


Imagem de reprodução
Jade Ambrose e seu noivo Paul Stacey de Leeds, Inglaterra, mal podiam esperar para ter seu bebê. Até recentemente, eram só os dois e o filhote de Pit Bull deles, Lola. Jade e Lola tinham uma relação muito próxima. A cachorrinha se juntou à família quando Jade estava em sua 20ª semana de gravidez. Lola sempre se aconchegava na barriga de Jade como se soubesse que havia alguém crescendo ali dentro, e ela lambia a dona toda vez que o bebê chutava.


Uma noite, durante a 33ª semana de gravidez, Jade se deitou ao lado de Paul como de costume. Ela não estava sentindo nenhuma dor ou desconforto, mas, no meio da noite, ela acordou com Lola latindo. A princípio ela pensou que Lola tivesse visto algo do lado de fora da casa, mas então Jade viu que a cachorrinha estava sentada bem em frente a ela. Então, Jade se deu conta de que os lençóis estavam cobertos de sangue e outros fluidos. Jade e Paul correram imediatamente para o hospital, com medo de que ela estivesse sofrendo um aborto. 



Felizmente, os médicos conseguiram parar o sangramento e Jade carregou seu bebê por mais oito semanas. Cinco dias após a data inicialmente estipulada para o parto, Jade passou por uma cesariana e deu à luz um menino. Eles os chamaram de Oliver.
Os pais esperam que o forte relacionamento entre sua cachorra e o bebê dure para sempre. "Nós vamos contar a Oliver o que Lola fez por ele. Ela é incrível!", disse Jade.
Lola até foi reconhecida por seus esforços. Jade a inscreveu em uma competição chamada "Bicho Herói" em um pet shop local e ela venceu.


Lola fez algo admirável salvando essa mãe e seu bebê. Que animal maravilhoso!


Fonte: dailymail.co.uk
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques