Páginas

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Globo gera revolta ao decidir exibir transa gay pela primeira vez na TV


Imagem de reprodução
Pela primeira vez na história da dramaturgia da Rede Globo de Televisão, uma novela terá uma sequência de sexo gay entre homens. A informação foi confirmada nesta quinta-feira, 23, pelo jornalista Daniel Castro, do site 'Notícias da TV'. De acordo com ele, o fato acontecerá em 'Liberdade Liberdade', folhetim das 23h. O capítulo que exibirá a transa histórica vai ao ar no dia 12 de julho. Os atores escalados para cena são Ricardo Pereira, que vive o soldado Tolentino, e Caio Blat, que faz o irmão de Joaquina (Andrea Horta), o delicado Andre. 
A direção da Globo, segundo Daniel Castro, liberou a sequência escrita por Mario Teixeira. Até então, não se tinha certeza nem mesmo se rolaria um beijo homossexual. Essa informação nova surpreendeu a muitos. Na internet, fãs da novela se mostram divididos. Alguns acreditam que é importante mostrar a realidade. "Acho bacana porque acaba com o paradigma gay nas tramas brasileiras", opinou um telespectador. Já outros estão revoltados. Há quem diga que não assistirá mais o enredo por ele supostamente estimular a "prática gay". "Apesar de passar tarde, a novela é vista por famílias, inclusive crianças. Acho um desrespeito e um retrocesso da Globo. Vamos tentar impedir ao máximo isso", comentou um internauta que tenta fazer um abaixo-assinado para evitar que a cena vá ao ar. 
De acordo com Daniel Castro, a cena será intensa, mas não terá sexo explícito. No entanto, quem espera beijo na boca vai poder ver. O roteiro pede um beijo represado e angustiado. O soldado então tira a camisa e André parece não conseguir respirar. Tolentino então empurra o amado para a cama, que cai sentado. A transa começa a seguir. O autor pede algo bruto e urgente. Em 2014, a Globo exibiu pela primeira vez um beijo entre dois homens na novela 'Amor à Vida'. Já em 2015, a emissora mostrou também pela primeira vez uma relação sexual entre duas mulheres em 'Felizes Para Sempre', uma minissérie. 
É bom dizer que o primeiro beijo gay da TV foi dado na década de 50 por Vida Alves, mesma mulher que também deu o primeiro beijo hétero. A TV Manchete também já havia exibido histórias com insinuações de sexo entre homens. No entanto, não há registro de cena de sexo em si entre dois homens na TV brasileira.

Informações: Blasting News
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques