Páginas

terça-feira, 21 de junho de 2016

Advogado do ex-Polegar Rafael Ilha ameaça processar o Estado após cliente sofrer assalto à mão armada


Imagem de reprodução
O cantor Rafael Ilha, ex-integrante do grupo Polegar, sofreu um assalto à mão armada na noite do último domingo (19) em frente à sua casa, na zona sul de São Paulo. O artista estava com a mulher, Aline Kezh, e sua filha, Laura, que completou 1 ano neste mês.

Segundo o advogado e a assessora de Rafael Ilha, a família tinha acabado de chegar em casa quando ocorreu o assalto. Aline e Laura entraram na residência e Rafael havia retornado ao carro quando foi surpreendido por dois homens armados. Eles levaram o veículo com o celular do cantor, que está incomunicável.
"Foi um roubo na porta de casa. Ele ficou muito temeroso, amedrontado com o revólver. Bateram o carro dele e deu perda total", afirmou José Beraldo, advogado de Rafael Ilha, ao UOL. Segundo a assessora, o casal conseguiu recuperar o carro rastreando o celular dentro do veículo.
"Levaram tudo, ele me ligou do escritório dizendo isso. Está tranquilo, levaram 'só isso', mas estava muito aflito por causa da menina e da mulher", afirmou Cristina Moreira, assessora de Rafael Ilha.
O advogado pretende processar o Estado pelo assalto do ex-Polegar: "Vou entrar com um pedido para ele parar de pagar o financiamento e uma ação contra o Estado, tendo em vista a deficiência da segurança em São Paulo. Às 22h, o cara com revólver na cabeça é assaltado e corre risco de morte?".

Informações: Uol
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário