Páginas

quarta-feira, 29 de junho de 2016

As enfermeiras não limpam o bebê quando ele nasce. O motivo é chocante


Esperar um bebê evoca os sentimentos mais especiais que um casal pode compartilhar. Dustin e Sierra Yoder de Boston (EUA) estavam ansiosos pelo nascimento de seu segundo filho.


Youtube/ Boston Children's Hospital


Mas durante o seu quinto mês de gravidez, Sierra recebeu uma notícia terrível: o feto estava sofrendo de encefalocele, isto é, quando cérebro de uma pessoas cresce para fora do crânio e é protegido apenas pelo couro cabeludo. Os médicos não quiseram dar à mãe falsas esperanças e disseram que o bebê provavelmente sobreviveria à gravidez, mas que morreria o mais tardar logo após o parto.

Youtube/ Boston Children's Hospital


Mas quando seu filhinho veio ao mundo, ele chorou alto e vigorosamente, como qualquer criança saudável. Mesmo as enfermeiras não o limpando ou dando banho nele, ele não desistiu. O pequeno Bentley, como os pais o chamaram, queria viver!

Youtube/ Boston Children's Hospital

Novamente, os médicos tentaram preparar os pais para o fato de que o bebê não sobreviveria por muito tempo. Mas eles se enganaram mais uma vez. Bentley se fortaleceu a cada dia, se agarrando à vida. Mas ele encarava perigos de morte diariamente, já que até mesmo um pequeno impacto poderia lhe causar dano cerebral.

Youtube/ STAT

Os pais não estavam preparados para desistirem dele e procuraram desesperadamente por um cirurgião que não os deixasse arrasados ao dizer que eles deveriam aceitar a morte iminente de seu filho. E encontraram: o Dr. John Meara do Hospital Infantil de Boston deu a eles a esperança que eles tanto buscavam.

Youtube/ STAT

Ele desenvolveu um modelo 3D da cabeça de Bentley e inventou um método para operar o menino.

Youtube/ STAT

Ele planejou abrir a cabeça de Bentley, da mesma forma como as pétalas de uma flor se abrem, para dar espaço pro cérebro. Claro, esta operação não era algo corriqueiro para os cirurgiões e era perigosa para o bebê, mas Sierra e Dustin queriam aproveitar qualquer oportunidade que se apresentava.

Youtube/ STAT

Quando Bentley estava com 7 meses, o cirurgiões o operaram. Para Sierra e Dustin, as horas de incerteza começavam. Será que seu filhinho conseguiria sobreviver?

Youtube/ STAT

Uma operação como este nunca havia sido experimentada antes. Os cirurgiões lutaram pela vida do bebê por cinco longas horas. O Dr. Meara tem certeza de que esta operação não teria sido bem sucedida 1o anos atrás. Os avanços médicos felizmente evoluíram muito desde então. E foi um milagre absoluto, Bentley sobreviveu!

Youtube/ STAT

Os pais dele não puderam acreditar na sorte que tiveram. Só de pensar que quase um ano atrás quase tiveram que desistir de seu filho, e agora ele está chutando feliz nos braços da mãe. Seus pais nunca imaginaram que isso fosse possível.

Youtube/ STAT

Ninguém sabe exatamente o que o futuro reserva para Bentley. Se ele poderá andar ou falar ainda não está certo, pois o caso dele é o primeiro a se ter notícia. Mas com pais tão amorosos ao seu lado, que nunca desistiram dele, ele tem o melhor apoio que poderia querer. Aqui você pode ver um vídeo com a história de Bentley (em inglês):



É maravilhoso que Sierra e Dustin tenham feito todo o possível para salvar seu bebê. Eles lutaram como leões pela vida da criança. Uma coisa é certa: com tanto amor e paciência, eles serão capazes de superar outros obstáculos juntos. Eles merecem todo o respeito do mundo pelo que passaram e sobreviveram.

Não Acredito
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário