Páginas

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Para não dar audiência à Record, Globo ignora atentado sofrido por Ana Hickmann em MG


Imagem de reprodução
O "Jornal Nacional", da Globo, ignorou o atentado sofrido pela apresentadora da Record Ana Hickmann em um hotel de Belo Horizonte, na tarde deste sábado (21). O telejornal da emissora sequer citou uma das principais notícias do dia.










Áudio com conversa entre Ana Hickmann e fã que tentou matá-la durante ataque em hotel é divulgado 




No Twitter, o jornalista Milton Neves encabeçou os protestos contra a Globo. "Mesquinharia ou Ibope avarento?Amiga Ana Hickmann, colega em meus tempos de Record, quase foi assassinada em BH e o 'Jornal Nacional' nada deu!", reclamou ele. "É verdade que o 'Jornal Nacional' nem falou de Ana Hickmann? Que absurdo. Que jornalismo é esse?!", questionou um outro internauta. "'Jornal Nacional' não deu destaque nenhum do caso da Ana Hickmann só porque ela é da Record", registrou um terceiro usuário, também via Twitter.
O atentado sofrido pela apresentadora da Record foi registrado no "MGTV", telejornal local da TV Globo Minas, com pelo menos 5 minutos de duração.
Ana Hickmann sofreu uma tentativa de homicídio na tarde deste sábado, em um hotel em Belo Horizonte (MG). O atirador invadiu o quarto onde ela estava hospedada e tinha intenção de disparar contra a apresentadora, segundo informações da Polícia Militar.
O atirador foi identificado pelo nome Rodrigo Augusto de Pádua, um rapaz de 30 anos, morador da cidade de Juiz de Fora (MG). Ele se dizia fã de Hickmann.
De acordo com o Boletim de Ocorrência, o suspeito estava no corredor do 9º andar do hotel, abordou o cunhado de Ana Hickmann, Gustavo, e o levou até o quarto. O suposto fã fez a apresentadora, o cunhado e sua mulher, assessora de Ana de reféns e obrigou os três a se sentarem de costas para ele, informou o programa da Band.
Em seguida, o indivíduo começou a destratar a vítima com palavras pejorativas e de baixo calão. O cunhado, Gustavo, levantou-se e foi em direção ao criminoso, Rodrigo, que efetuou dois disparos em direção da vítima, Ana Hickmann, informou o Boletim de Ocorrência. Dois tiros atingiram Giovana Oliveira, assessora de Ana e mulher de Gustavo.
Segundo o boletim, "as vítimas saíram correndo do apartamento, e Gustavo entrou em luta corporal, conseguindo desarmar o agressor".
Ana Hickmann irá ao hospital saber o estado de saúde da assessora e, em seguida, deverá prestar depoimento no 22º Batalhão da Polícia Militar.

Comunicado

A Record enviou um comunicado à imprensa, no qual se solidariza com a apresentadora Ana Hickmann.
"Neste sábado, dia 21/05, a apresentadora do programa 'Hoje em Dia', Ana Hickmann, foi vítima de um atentado em um hotel de Belo Horizonte . Um homem armado conseguiu entrar no quarto em que ela estava hospedada e efetuou disparos. Ana não foi atingida. Os tiros atingiram a cunhada de Ana, Giovana Oliveira, que foi socorrida e levada para um hospital da capital mineira.

Ana Hickmann e seu cunhado, Gustavo Correa, estão bem.

Neste momento, a Record deseja a mais rápida recuperação de Giovana e informa que Ana, apesar de tudo o que aconteceu, está se recuperando desta absurda situação."

Informações: Uol
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário