Páginas

sábado, 21 de maio de 2016

Mãe amarra filha de 15 meses em pedra para poder trabalhar


. AHMEDABAD, INDIA. REUTERS/AMIT DAVE
Sua mãe, puxa uma fita de plástico e envolve em torno da perna da filha Shivani, com apenas quinze meses de idade e amarra a uma rocha em um canteiro de obras no oeste da Índia. Descalço e coberto de pó, a criança passa nove horas por dia em temperaturas chegando a 40 graus Celsius.


. AHMEDABAD, INDIA. REUTERS/AMIT DAVE


. AHMEDABAD, INDIA. REUTERS/AMIT DAVE
. AHMEDABAD, INDIA. REUTERS/AMIT DAVE
. AHMEDABAD, INDIA. REUTERS/AMIT DAVE

Sarta Kalara , sua mãe, diz que ela não tem nenhuma opção a não ser amarrar a filha à pedra, apesar de seu choro, enquanto ela e seu marido trabalham para 250 rúpias (US $ 3,8 ) cavando buracos para cabos de eletricidade , na cidade de Ahmedabad. "Eu a amarro para que ela não vá para a estrada . Meu filho mais novo tem três anos e meio e ele não é capaz de controlá-la ", disse o homem de 23 anos , cobrindo o rosto.

. AHMEDABAD, INDIA. REUTERS/AMIT DAVE

Há cerca de 40 milhões de trabalhadores da construção civil na Índia , pelo menos um em cada cinco dos quais são mulheres , e a maioria migrantes pobres que mudam de local para local , para trabalhar com a construção de infra-estruturas nas cidades em expansão da Índia. Em todo o país , não é raro ver crianças pequenas rolando na areia e lama e ver seus pais carregando tijolos ou cavando novas estradas ou casas de luxo.

. AHMEDABAD, INDIA. REUTERS/AMIT DAVE
Informações: Reuters
Tradução: Caveirinha / Curió
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário