Páginas

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Emocionante: Garota chinesa carrega amiga com paralisia para a escola há três anos




He Qin-jiao, uma menina de 13 anos, natural da Província de Hunan, na China, é o melhor exemplo de amizade verdadeira e apoio ao próximo.

Acredite ou não, há três anos, todos os dias, essa menina franzina leva sua amiga paralisada pela poliomelite para a escola, nas costas. Uma viagem de quatro quilômetros diários. A história de Qin-jiao emocionou muitas pessoas na internet, que agora estão a chamando de “a estudante mais linda da China”.
Quando Qin-jiao tinha 9 anos, ela percebeu que sua melhor amiga, He Ying-hui, não poderia mais frequentar a escola, por ter sido vítima da poliomelite, acarretando em uma paralisia. Então, Qin-jiao decidiu assumir a responsabilidade sozinha.
A amiga leal levou a garota para a escola durante três longos anos, até o governo local tomar conhecimento da emocionante história e presentear Ying-hui com uma cadeira de rodas, em setembro do ano passado.

Mas a dedicação de Qin-jiao com a amiga não parou por aí. Ela ainda acorda às 6 da manhã, termina suas tarefas de casa e corre para a casa de Ying-hui para empurrá-la até a escola. Quando elas finalmente chegam ao seu destino, ela carrega a amiga nas costas até sua sala de aula, no segundo andar.
O conto comovente viralizou nas redes sociais, com milhares de compartilhamentos e pessoas admiradas pelo heroísmo e lealdade de Qin-Jiao. "É bom ser reconhecida, mas eu não faço nada por isso", disse a modesta jovem. "Ela é minha melhor amiga e a escola não teria sido a mesma sem ela. Isso significava que eu tinha que levá-la, então isso era o que devia ser feito”, disse.
"Eu não acho que foi ruim", acrescentou Qin-jiao. "Isso nos deu a chance de ter um bom papo antes e depois da escola todos os dias”, concluiu a incrível garota.

Quando pediram para Ying-hui descrever a pessoa mais importante em sua vida para um projeto de escrita criativa na escola, ela naturalmente escolheu escrever sobre Qin-jiao. "He Qin-jiao usa seus pequenos ombros jovens para sustentar meu céu. Eu não teria conseguido ir à escola todos os dias se não fosse por ela. Ela é a melhor amiga que alguém poderia ter", escreveu Ying-hui em seu relato.
As meninas vão se formar na escola primária este ano. Qin-jiao quer cuidar de sua amiga na escola secundária, assim como tem feito há três anos, mas suas famílias são tão pobres que não tem certeza se elas conseguirão continuar estudando. As famílias esperam que algumas pessoas possam ajudá-las a conseguir mantê-las na escola, para que possam realizar o sonho de ser formarem.
Fonte: China.org Shanghaist / Jornal Ciência Foto: Divulgação



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

UOL Cliques